Relógio


Últimos assuntos
Quest - Esquecendo OQua Ago 01, 2018 2:24 pmKayn
RP - Contando PalitosTer Jul 31, 2018 1:42 pmYue Yang
RP - Apenas por AiSeg Jul 30, 2018 7:24 amSparkle
Campo de Treino - PashSeg Jul 30, 2018 7:07 amSparkle
Salão de AberturaDom Jul 29, 2018 8:01 pmSparkle
Parque da VilaSex Jul 27, 2018 2:17 pmKuni
Resultado: Teste GeninQui Jul 26, 2018 10:38 pmSparkle
Aula 5: ClonagemQui Jul 26, 2018 6:31 pmPash
Bosque Qui Jul 26, 2018 4:00 pmSparkle

Compartilhe
Ir em baixo
avatar
Narrador
Narrador
Ver perfil do usuáriohttp://neo-history.forumeiros.com

Aula 2: Combate

em Qua Abr 04, 2018 6:14 pm

Adentrando ao novo salão onde ocorreria a segunda sala de aula, o cenário era parecido, porém extremamente iluminado numa espécie de arena forrada ao chão, um cenário azulado e belo.

Ayako caminhava para o centro da Arena, assobiando e organizando os alunos em duplas -Se você algum dia for designado para assassinar alguém, não seja um tolo, faça isso da maneira correta! Mas se por algum motivo as coisas derem erradas, lembrem-se, nunca lutem contra alguém que não podem derrotar-

Usando o aluno mais próximo como "assistente" ela usava suas duas mãos para empurrá-lo vários metros longe! -Afastem seu oponente, o desarme ou atordoe, crie uma brecha ou tempo o suficiente para fugir! Esse é seu trabalho-

Após a explicação, deixaria pergaminhos explicativos com cada aluno para praticarem uns com os outros enquanto analisaria seus desempenhos.

Técnica Corporal

Categoria: Taijutsu
Descrição:A técnica corporal é uma forma básica de técnicas a qual refere-se à qualquer técnica que envolva artes marciais ou a otimização das habilidades humanas naturais.

Forte Empurrão

Categoria: Taijutsu
Dificuldade: E
Poder: 2
Descrição: Utilizando de todo o peso de seu corpo, o usuário aplica força em suas pernas para que com suas mãos, empurre algum alvo que contenha no máximo o dobro de seu peso.
Code:
Código:
[u]Técnica Corporal[/u]
[img]https://i.imgur.com/Lumoyp9.png[/img]
[b]Categoria: [/b]Taijutsu
[b]Descrição:[/b]A técnica corporal é uma forma básica de técnicas a qual refere-se à qualquer técnica que envolva artes marciais ou a otimização das habilidades humanas naturais.

[u]Forte Empurrão[/u]
[img]https://i.imgur.com/FgsJq9D.gif[/img]
[b]Categoria:[/b] Taijutsu
[b]Dificuldade:[/b] E
[b]Poder:[/b] 2
[b]Descrição:[/b] Utilizando de todo o peso de seu corpo, o usuário aplica força em suas pernas para que com suas mãos, empurre algum alvo que contenha no máximo o dobro de seu peso.
avatar
Nukenin
Nukenin

Status Ninja
Vida:
199/200  (199/200)
Chakra:
299/300  (299/300)
Arsenal:
Ver perfil do usuário

Re: Aula 2: Combate

em Seg Abr 09, 2018 8:00 pm
A última aula havia sido um sucesso, já podia sentir o ânimo tomando conta de meu corpo por estar um passo mais próximo de meu objetivo. Saía daquela sala e ia andando pelo estabelecimento em busca da segunda aula. Curiosamente adentro num salão a qual estava vazio, exceto pela presença da mesma professora.

Aos poucos os alunos iam na direção da sala, todo podíamos reparar conforme a iluminação fosse sendo distribuída igual na sala anterior. podia ser notado uma arena no chão, uma espécie de tatame que cobria a área.

Estranhamente minha mente começava a formular pensamentos a cerca daquela professora, que nesta aula já não demonstrava qualquer interesse em nos menosprezar devido a última aula, mas isso era apenas uma suposição, talvez fosse apenas uma dos artifícios de minha cabeça para tirar meu foco da aula.

Observo-a puxando um aluno para perto para realizar uma demonstração e o jogava metros de distância com apenas um empurrão, que mulher forte! Um verdadeiro monstro, certamente em questões de habilidades tínhamos um abismo de diferença.

Todo o conteúdo dado por ela não era válido ser repetido mentalmente, afinal, ficara muito claro que sua aula desta vez se tratava de combate físico e sobre métodos de auto-defesa, com isso, devo concluir que: Fugir não é uma desonra para ninguém, sim questão de sobreviver e continuar com seus objetivos.

Aceitando o serviço e o conhecimento de minha tutora, vou até um companheiro que possuí-se uma massa muscular maior que a minha, afinal, estava naquele lugar para aprender e testar meus limites. Coisa que era meio difícil, naquela academia a maioria das pessoas eram jovens de aproximadamente dezesseis anos, enquanto eu estava na casa dos vinte. O mais velho da classe, talvez, mas isso não importava. Após um tempo procurando minha dupla, acho um garoto mais alto e provavelmente mais pesado que eu.

Me posiciono em sua frente, o reverencio e digo - Posso formar uma dupla com você? - Percebo o orgulhoso garoto confirmando com a cabeça com certa relutância e já entrando em guarda - Pode começar - Eu ditava observando-o imitar a pose da professora, flexionando um pouco os joelhos e empurrando com ambas as lamas abertas contra meu corpo.

Por seu peso ser maior que o meu, provavelmente ele conseguiria aplicá-lo de alguma forma que eu fosse jogado para trás, logo, eu precisava pensar rápido e agir de maneria correta para não voar metros de distância igual ao garoto que estava ao lado da professora. Olhei rapidamente, tive a leve impressão de quê havia uma possibilidade de conseguir realizar um bom plano ali.

Em minha mente surge a imagem da professora atirando o garoto sem ao menos fazer um esforço, provavelmente aquilo se daria a sua força ou ao seu imenso chakra na palma da mão, mas dentro das duas opções tinha um fator em comum: A técnica! E provavelmente este era o maior e melhor fator de impacto. 

Após essa informação formada após deduções básicas, eu que estava em posição de combate, esperava uma distância mediana entre seus braços e meu corpo, abaixava meus braços enquanto a distância era percorrida e ao chegar na distância máxima criada pela proximidade esperada, eu subia com meus braços num movimento circular de dentro para fora, empurrando seus braços para o campo em volta de meu corpo, desarmando seu golpe. Chegava meus braços para trás flexionando meus cotovelos e abrindo meus braços ainda mais, e depois unindo-os em frente ao meu corpo com alta velocidade, realizando um impacto no corpo do garoto e finalizando a técnica jogando-o para trás. - Vamos novamente, agora eu não me moverei e quero ver o seu limite - O garoto com raiva, chegou perto e tentou novamente, mas agora, eu aceitaria o golpe e tentaria criar uma medida de contenção dessa técnica além do desarme.

Ao receber o golpe, minha base corpórea superior, vulgo tronco, havia sido jogado para trás, minhas pernas que estavam fixas ficaram presas por mais um tempo no chão, jogando primeiro meu tronco para trás para depois meu corpo acompanhar, curvando-me no ar e fazendo com que eu caia no chão - Mais uma vez - Gritava para o garoto, só iria sair da aula quando aprendesse a resistir tal técnica de defesa, afinal, posso acabar enfrentando algum ninja de kiri num futuro próximo.

O meu parceiro tentava novamente, mas dessa vez, enquanto o empurrão estava sendo realizado, empurraria meu corpo para frente e colocaria minha perna do lado não dominante para trás de meu corpo e a perna do lado dominante como apoio de fixação no solo, dessa forma, após ser acertado por ambas as mãos, ainda resistia no lugar e começava a compreender o funcionamento do meu corpo quando as técnicas de impacto.

Forte Empurrão

Categoria: Taijutsu
Dificuldade: E
Poder: 2
Descrição: Utilizando de todo o peso de seu corpo, o usuário aplica força em suas pernas para que com suas mãos, empurre algum alvo que contenha no máximo o dobro de seu peso.
avatar
Kiri: Genin
Kiri: Genin

Status Ninja
Vida:
0/240  (0/240)
Chakra:
0/600  (0/600)
Arsenal:
Ver perfil do usuário

Re: Aula 2: Combate

em Ter Abr 10, 2018 1:10 pm
Era meu segundo dia de aula, levantava da cama de uma pousada que a vila havia pagado para mim dormir em quanto eu estava na academia, vestia minhas roupas e seguia para a academia, tinha um homem na porta da minha sala, quando me aproximo o mesmo vem a dizer:
-Jovem, hoje sua aula sera na quela sala ali. -Apontava para uma sala a poucos metros de distancia dali, sigo então a caminhar me perguntando porque a sala fora modificada, mas quando chego no lugar noto a diferença, agora a sala de aula estava mil vezes mais clara, a professora esta a esperar os alunos que estavam ficando em uma fila lado a lado esperando a aula começar, eu não faço diferente, sigo com passos calmos e sem mostrar quais quer fisionomia, me posiciono ao lado de um dos meus companheiros de sala, e espero a aula começar, minutos depois o ultimo aluno havia chegado, a professora olha para todos exclusivamente e depois começa a falar, que hoje teríamos a aula de combate, me empolgo porem não demonstro, a mesma então puxa um aluno que estava próximo dela e começa a falar algo sobre nunca enfrentarmos alguém que não podemos matar, então ela da um empurrão no garoto que o arremessa a metros dali, porem aquilo fica na minha cabeça "Como assim em uma aula de combate ela esta nos ensinando a fugir, embora exista o ditado fuja agora para lutar um outro dia, isso não deveria se aplicar a um combate  em missão pois a mesma havia dito que se fossemos chamados para uma missão de matar alguém, então fugir estaria sem cogitação nessa situação, apos a explicação olho com uma cara de reprovamento para a professora em seguida viro para o garoto a minha direita e o chamo para treinar ele aceita, havia uma arena no centro da sala que cada dupla esperava sua vez para lutar, eu fico a observar a luta de cada dupla ate chegar minha vez, era notório que os estudantes estavam tentando realmente empurrar o rival para fugir, "Curiosos Isso" penso comigo mesmo.
 Muito tempo depois chaga a vez da minha dupla, eu e o garoto nos posicionamos uma frente do outro com cerca de 5 metros de distancia um do outro, noto a forma que o jovem a minha frente posiciona seus pés de modo que o pé direito fique a frente do esquerdo, sua posição das mãos não são diferentes, acho curioso, mas sigo meu movimento, me posiciono, de moto que meu pé direito fique pouca coisa a frente do esquerdo distribuindo o meu peso por igual tendo base para um combate, minha mão esquerda fica próxima a meu peito de punho fechado, em quanto a minha mão direita fica 15 centímetros a frente da esquerda também de punhos fechados, um apito irritava meus ouvidos, era o sinal que dizia que a luta tinha começado, o jovem avança contra mim de maneira que todo seu peso fique sobre o pé esquerdo, quando chega a 2 metros de mim investe uma rasteira giratória meia desengonçada, salto então desviando do ataque, quando meus pés tocam o chão de novo o jovem estava terminando sua volta de 180° graus, isso me da um milésimo de segundo de vantagem, que uso para investir um chute na sua nuca, fazendo o jovem cair contra o chão, o mesmo se estabiliza  rápido com uma cambalhota, de maneira rápida ele se posiciona e vem em minha direção, era o oportunidade perfeita para eu tentar fazer a técnica que a professora tinha mostrado e dado o pergaminho, espero o tempo exato quando o mesmo esta a 30 centímetro de mim visa me acertar um soco no rosto, porem em um movimento rápido concentro uma pequena quantidade de chakra nas palmas da minha mão, uma vez que o jovem chega com o punho a 4 centímetros do meu rosto, abaixo minha cabeça desviando e acertando com as duas mãos um empurrão em seu peito fazendo um pequeno estouro de chakra dando impulso para que o meu rival seja arremessado, seguindo disso ele cai a 5 metros de mim, porem antes mesmo dele cair no chão eu invisto em uma corrida em sua direção, quando ele cai no chão salto caindo em sima de seu estomago e aponto meu punho direito para seu rosto porem não sigo o movimento, ele assustado diz:
-Você esta louco, era para você empurrar para conseguir desarmar e ter uma vantagem para fugir.
-Como a professora disse algum dia poderemos estar em uma missão de assassinar alguém, e se a missão é matar, não faz o menor sentido fugir pelo alvo ser mais forte que você, uma vez dada a missão ela deve ser cumprida. -Respondo com uma fisionomia seria para o garoto, em seguida saio de cima dele e estico minha mão para ajudar o mesmo a levantar, e as lutas seguiram ate o fim da aula.
:
Técnica Corporal

Categoria: Taijutsu
Descrição:A técnica corporal é uma forma básica de técnicas a qual refere-se à qualquer técnica que envolva artes marciais ou a otimização das habilidades humanas naturais.

Forte Empurrão

Categoria: Taijutsu
Dificuldade: E
Poder: 2
Descrição: Utilizando de todo o peso de seu corpo, o usuário aplica força em suas pernas para que com suas mãos, empurre algum alvo que contenha no máximo o dobro de seu peso.
avatar
Kiri: Genin
Kiri: Genin

Status Ninja
Vida:
160/160  (160/160)
Chakra:
150/150  (150/150)
Arsenal:
Ver perfil do usuário

Aula 2: Combate

em Qui Abr 12, 2018 3:28 pm
Ao entrar na sala para que eu pudesse ter a segunda aula sinto uma dor aguda, proveniente da iluminação do novo ambiente, em meus olhos dos quais já estavam um pouco mais acostumados com a luz devido a aula anterior. A luz tem o objetivo de iluminar algo que se assemelha a uma arena. O salão, apesar destas diferenças, era semelhante ao antigo.

A professora, a mesma que lecionara a primeira aula, começa o seu ensinamento. Ela nos diz como não devemos ser burros e sobre sermos cautelosos, então, de uma hora para a outra ela golpeia um dos alunos o jogando a vários metros de distância. Ao ver o incidente fico chocado por dentro, não demonstrando nenhuma reação por fora. Fico confuso, mas acima de tudo sinto um pouco de asco pela ação daquela que deveria ser nossa professora.

Aparentemente, a mulher fez isso apenas para demonstrar um golpe para ser usado em uma situação em que se precisa ganhar tempo, para abrir uma brecha, e assim, escapar.

A sentimento de asco continua, acho que vou guardar um pouco de rancor desta professora.

Após toda a exposição, ela nos entrega pergaminhos relacionados a técnica e espera que façamos um treinamento, ao que me parece, em dupla. Analiso o pergaminho da mesma forma que analisei o quadro negro da aula passada. Respiro fundo ao terminar de ler e procuro com meus olhos por algum companheiro de classe que esteja disponível.

Esta é mais uma situação desagradável. Vou ter que trocar socos com um colega de classe apenas porque temos um gorila como professora.

Ao procurar um pouco mais, me deparo com um estudante que também está sozinho. Me aproximo dele de forma complacente, para que assim eu não o intimide. Dou o meu melhor sorriso para o cidadão, o que não é nada convincente, e digo que gostaria de treinar com ele.

Após trocarmos algumas palavras, começamos a treinar. Decidimos que seria melhor ele começar. Ele se posiciona de forma a preparar o ataque, eu faço o mesmo, porém faço de forma a receber o ataque. Observo a postura do meu colega, e relaxo meu corpo para que eu não me machuque tanto quando o golpe for desferido.

O resultado é que sou jogada alguns metros para trás. O golpe machuca, mas logo estou de pé e pronto para realizar o meu treino e caminho de volta ao meu companheiro.

Quando assumo a posição de ataque, minha dupla se prepara para receber o ataque. Relaxo o meu corpo novamente, me concentro para poder desferir um golpe certeiro. Após poucos segundos, acerto o garoto no tronco de forma que ele é projetado para trás.

Um pouco preocupado com meu colega corro em sua direção para que eu possa auxilia-lo. E com isso a segunda aula termina.


Técnica Corporal

Categoria: Taijutsu
Descrição:A técnica corporal é uma forma básica de técnicas a qual refere-se à qualquer técnica que envolva artes marciais ou a otimização das habilidades humanas naturais.

Forte Empurrão

Categoria: Taijutsu
Dificuldade: E
Poder: 2
Descrição: Utilizando de todo o peso de seu corpo, o usuário aplica força em suas pernas para que com suas mãos, empurre algum alvo que contenha no máximo o dobro de seu peso.
avatar
Kiri: Genin
Kiri: Genin

Status Ninja
Vida:
100/100  (100/100)
Chakra:
160/160  (160/160)
Arsenal:
Ver perfil do usuário

Re: Aula 2: Combate

em Qui Abr 12, 2018 7:35 pm
Entrava pela porta, uma sala grande, diferente da outra não tinha muitas cadeiras, mas logo tudo se resolvia, demonstrando que a sala se consistia em uma pequena arena, desde a aula passada, minha cabeça se mantinha a mil, não sabia como tinha sido meu desenvolvimento, muito menos se tinha conseguido aprender aquela técnica de esconder o chakra, a sensei mal falava com os alunos, era apenas ordens, consequentemente aquele trabalho requereria tal coisa, ou talvez ela queria demonstrar seu lado durão, chacoalhava a cabeça, esvaecendo meus pensamentos.

O que dizer da minha dupla, provavelmente seria algum filho de nobre, de seu nariz escorria uma bolsa de catarro, seu olhar era alto, definitivamente alto, era notório o seu esforço para estar presente, aqui e agora, ficava de cabeça baixa, evitando qualquer troca de olhar, optando por apenas observar as palavras ditas pela sensei, com o intuito de conhecer mais sobre o objetivo da aula, por fim acabar com aquilo.

É importante não ser um tolo, mas ainda mais, deveria ser importante, ter o próprio conhecimento de seu esforço físico e psicológico, afinal, ninguém é perfeito, tinha toda razão para retrucar as palavras ditas, mas por fim permanecia quieto, tinha meus ideais formados, não pestanejava diante disso, tenho razões para acreditar naquilo que acredito e isso já bastava para seguir em frente. Erguia a cabeça, a luz em seu ápice contracenava com meu corpo, deixando meu olhar escuro, poucos minutos a cena duraria, para então retomada da posse do pergaminho, abrindo-o e lendo em sequência.

Não tinha visto a professora efetuando a técnica, porém em sua descrição, se indiciava ser algo fácil, pulando todo aquecimento, agora, me via em frente a minha dupla, ele olhava para mim, suas sobrancelhas afastadas começavam a se juntar, mudando ocasionalmente sua expressão, ficando um pouco mais sério, eu apenas o observava, seus movimentos eram lentos e previsíveis,  daria para perceber a hora que ele iria fazer algo, no ato de andar por exemplo, era visível onde pisaria e quando pisaria, não o desmereceria por isso, e pensando a respeito, poderia ser uma jogada para atrair uma gatilho para o contra ataque, todo cuidado era pouco, mas não me contentava em apenas olhar aquilo, me movimentava pulando para o lado cego do oponente(esquerdo), ficando ao lado desse, meu pé de apoio, se fixava no chão, outro, um pouco mais estendido ficava um pouco atrás, os forçava desde já e sentia as vibrações espontâneas que fariam, um leve tremedeira, momentânea assim por dizer, e então movimentava meus braços, jogando meus ombros para trás, canalizava a força do meu ponto de equilíbrio, soltando em uma simples ação, o meu objetivo de ataque seria o ombro do menino. Não estávamos usando armas, mas em uma luta fictícia, onde esse ataque viria a dar certo, uma provável deslocação do ombro aconteceria, e embora o manejo do oponente fosse o lado direito, dificultaria seu manejo, abrindo espaço para escapar, entre outras coisas.
Técnica usada:


Técnica corporal
Categoria: Taijutsu
Descrição: A técnica corporal é uma forma básica de técnicas a qual refere-se à qualquer técnica que envolva artes marciais ou a otimização das habilidades humanas naturais.


Forte empurrão
Categoria: Taijutsu
Dificuldade: E
Poder: 2
Descrição: Utilizando de todo o peso de seu corpo, o usuário aplica força em suas pernas para que com suas mãos, empurre algum alvo que contenha no máximo o dobro de seu peso.
avatar
Kiri: Genin
Kiri: Genin

Status Ninja
Vida:
200/200  (200/200)
Chakra:
360/360  (360/360)
Arsenal:
Ver perfil do usuário

Re: Aula 2: Combate

em Ter Abr 24, 2018 2:33 am

High Fashion  High Younger and High Bitch
登る
Entrava em uma nova sala totalmente diferente, ou pelo menos era bem maior que antiga,  no meio do salão havia uma arena, logo pensei que iriamos lutar naquela aula, não estava contente com a nova temática, aquilo me dava um certo medo, as luzes do sol refletiam sobre o chão azulado  da arena ,dando uma falsa iluminação ao local. Um assobio bem estridente quase me ensurdeceu, logo em seguida a professora começou a  falar  a respeito da aula  

Chega a ser ultrajante  com tudo acaba sendo extremamente redundante, uma das três coisas que não se deve se falar para alguém é sobre sua verdadeira força , você sempre será visto como alguém normal, se eles não sabem de seu verdadeiro potencial não a nada a temer, isso se encaixava perfeitamente em tudo  o que a professora falava, diria mais como um complemento,um garoto se aproximou de mim , ele era estranho, magro e de porte pequeno e frágil, seu cabelo era castanho mas ensebado de algum produto que provavelmente desconheço, pelo cheiro poderia dizer que era esterco ou ovo estregado, ele estava com o pergaminho da professora em sua mão, ele solicitou treinar comigo, como meu objetivo numero 1 era terminar coma quilo logo  aceitei rapidamente , por um estranho motivo ao final de toda frase que dizia a mim, elas terminavam com "dubdub" eu desconfio que ele tenha algum tipo  de problema.

Ele me estendeu a mão entregando o pergaminho,o peguei das mãos de meu colega de classe, estava um pouco melecado, provavelmente de suor, ao observar como era  feito a técnica mostrada, pude assim dizer que era de fácil realização, como observei a professora realizando a técnica com perfeita precisão pude prestar atenção a cada detalhe, a maneira na qual posicionava os pés,a distancia entre eles, a distancia em que estava de seu inimigo, sua postura  e a carga de força que usou para não machucar o aluno, não flexionando  muito seus músculos, a precisão e velocidade é de extrema importância em um desafio como esse. Tudo deve ser minimamente calculado para que tudo aconteça com estrema exatidão, como uma dança, o garoto fazia alongamentos enquanto esperava que terminasse de ler o pergaminho.

Ele começou os ataques, não era de forma nenhuma difícil de desviar,  acredito que o maior problema seja o cheiro que seu cabelo soltava  ao fazer os movimentos, realmente era desagradável,  mas comecei a perceber detalhes  dentro de seus socos e chutes, seu corpo parava cerca de um segundo para pensar onde seria o próximo ataque que ele daria  em mim, teria percebido isso antes se o cheiro do cabelo dele não tirasse completamente meu foco inicial,  teria que ser muito exata neste momento, a posição de meus pés e minha cronometragem devem ser exatos, 1....2...3... Parecia que o tempo parou pude ver exatamente ele quase parando para pensar onde me atacaria, minha distancia entre  nos estava exata, meu pé de apoio direito estava afrente de meu corpo , deslocando todo o peso e concentração de forças para minha perna, flexionando os músculos aos poucos, minhas mão passaram pela defesa do oponente como havia previsto. Meu alvo era a caixa torácica do oponente, julgando que são uns dos ossos mais fortes  do  corpo humano evitando assim uma provável lesão ou machucado, usando toda a força e velocidade necessária para realizar o movimento.

Técnica Usada escreveu:Técnica Corporal

Categoria: Taijutsu
Descrição:A técnica corporal é uma forma básica de técnicas a qual refere-se à qualquer técnica que envolva artes marciais ou a otimização das habilidades humanas naturais.

Forte Empurrão

Categoria: Taijutsu
Dificuldade: E
Poder: 2
Descrição: Utilizando de todo o peso de seu corpo, o usuário aplica força em suas pernas para que com suas mãos, empurre algum alvo que contenha no máximo o dobro de seu peso
.

あなたは大丈夫ですか?- WHATEVER - 悪い男に行こう
avatar
Kiri: Genin
Kiri: Genin

Status Ninja
Vida:
200/200  (200/200)
Chakra:
330/330  (330/330)
Arsenal:
Ver perfil do usuário

Re: Aula 2: Combate

em Ter Abr 24, 2018 8:49 pm
 Yahiko havia feito seu primeiro teste e observou ao longe que Kyra também havia ingressado no caminho ninja, por alguns segundos esbouçou um sorriso de orgulho para com a sua irmã mais nova, agora era a hora de se seguir para a segunda tarefa ou seja a segunda aula, onde se pôs a seguir o corredor e há alguns metros avista no caso um enorme salão bem planejado e com uma grande área para combates, sendo assim a aula então seria de auto defesa, de fato tal aula viria muito a calhar pois deveria obter a si o máximo de conhecimento para que este pude-se defender a honra de sua irmã e de seu clã. 


Já no grande salão Yahiko, assim como os demais estudantes observam a sua sensei que lhes dizia sobre as táticas de um assassino, Yahiko a observa seriamente e analisa suas palavras, onde uma das citações era de nunca lutar com alguém que não se pude-se derrotar.

De fato ela estava coberta de razão afinal meu pai e meu irmão ignoraram tais regras e devido ao seu orgulho foram abatidos. Com os minutos se passando a Sensei usou uma tática para se esgueirar de seu oponente pois em um caso extremo essa tática seria efetiva para desarmar seu oponente ou até mesmo ganhar tempo para fugir.

A Técnica ensinado era o "Forte Empurrão", onde essa técnica consistia em utilizar todo o peso de seu corpo, assim o usuário aplicaria força em suas pernas, pés, braços e mãos para empurrar um algo usando sua força para aplicar um impacto que poderia desnortear algum adversário,a  sensei chamava ali um aluno novo e aplicando a sequencia, ela mostrava ali aos estudantes a técnica sendo executada de uma maneira correta.

Yahiho então observa que não havia muitos alunos para este treinar, o mesmo então veio a improvisar pois usaria o próprio ar em movimentos repetitivos para que a ordem de execução da técnica seja efetiva assim quando o mesmo a replica-se em um corpo provável que o resultado vie-se a ser positivo, com isso Yahiko flexionou os dois joelhos e usando sua tática de se manter frio e calmo ignorou completamente a existência dos demais apenas focando em seu próprio desempenho, firmou ali a sua base afastando seus pés e pernas suas mãos ele as colocou na forma de palma colocando sua mão direita um pouco a frente da esquerda, e em um impulso de controle de respiração ele tragava o ar e ao soltar, soltava suas palmas e seu peso compensado ali.

Novamente voltou a posição de ataque e novamente respirou profundamente, e ao soltar o ar ele condensa seu peso a seu corpo unindo-as em um ataque com as palmas de suas mãos em um ataque que ele colocava ao ar, pois com este exercício poderia se ter controle de seu corpo e de seus ataques.

Yahiko, volta seus pés para uma nova posição deixando o direito a frente do esquerdo e colocando sua mão direita a frente da esquerda ambas com suas palmas abertas colocando nelas uma boa parte de seu peso pois colocaria peso para causar impactos, assim sem demorar Yahiko usou sua própria tática de ataque, onde andava suavemente colocando um pé a frente do outro e colocando seu peso a cada passo para este obter equilíbrio e com o equilíbrio formado ele o dividia entre suas pernas e braços e dando passos ele desferia ataque por ataque usando suas palmas, obviamente Yahiko não sabia se seu desempenho estava a ser bem sucedido, mas iria esperar para ver a avaliação de seu desempenho, no entanto este parava ali de executar a técnica e como um sinal de respeito saudava a sensei que executou a aula, e se virando este segue pelo grande portal saindo.
Spoiler:

Técnica Corporal

Categoria: Taijutsu
Descrição:A técnica corporal é uma forma básica de técnicas a qual refere-se à qualquer técnica que envolva artes marciais ou a otimização das habilidades humanas naturais.

Forte Empurrão

Categoria: Taijutsu
Dificuldade: E
Poder: 2
Descrição: Utilizando de todo o peso de seu corpo, o usuário aplica força em suas pernas para que com suas mãos, empurre algum alvo que contenha no máximo o dobro de seu peso
avatar
Kiri: Genin
Kiri: Genin

Status Ninja
Vida:
33/120  (33/120)
Chakra:
179/210  (179/210)
Arsenal:
Ver perfil do usuário

Re: Aula 2: Combate

em Sab Maio 12, 2018 10:48 pm
Usei Isso >.<:
Técnica Corporal

Categoria: Taijutsu
Descrição:A técnica corporal é uma forma básica de técnicas a qual refere-se à qualquer técnica que envolva artes marciais ou a otimização das habilidades humanas naturais.

Forte Empurrão

Categoria: Taijutsu
Dificuldade: E
Poder: 2
Descrição: Utilizando de todo o peso de seu corpo, o usuário aplica força em suas pernas para que com suas mãos, empurre algum alvo que contenha no máximo o dobro de seu peso.

Nossa, eu demorei tanto tempo para finalizar a primeira aula e filtrar algum aprendizado positivo sobre ela que me sinto bem cansada e olha que isso faz tempo, é como se as coisas demorassem mais do que o normal para entrarem na minha cabeça, mas sem problemas, alguns minutos de reflexão são o suficiente para organizar meus pensamentos e seguir adiante! (/'-')/

Bato em minha cabeça com ambas as mãos, um pouco de leve para não me auto ferir, não era a intenção, era apenas para criar foco, pois agora partiria para a minha segunda aula da academia Shinobi! Uma aula a qual eu não fazia ideia do que se tratava... O tempo passa enquanto ansiosa aguardo pelo inicio da aula do lado de fora da porta, não tinha nada melhor para fazer então a melhor opção seria aguardar pelo começo das aulas mesmo... (>.<)

(;^; ) Após uma espera muito cansativa finalmente parece que a próxima aula estava para começar! ( ;^;) Algo de fato muito agradável para quem passou horas vadiando e sem fazer nada, respiro fundo, ergo minha cabeça estico meus ombros para trás e com o peito estufado, dou três passos antes de perder toda a minha postura e cair ofegante... -Talvez seja melhor ser só eu mesma... (;~;) - Apenas caminho para o salão da aula de número dois!

Mais parecida com uma quadra ou arena, o local era enorme! E lá estava ela, a professora Ayako, com toda uma presença militar e rígida, nos treinando para ser a futura leva de Shinobis que trabalham para o país, uma mulher e tanto, admiro ela! Afinal agora que decidi me tornar uma Ninja, acho que ser como ela no futuro não seria uma má ideia!

Suas palavras sempre pareciam ser tão sábias, mesmo sendo jovem e bonita, era como se já tivesse passado por tanta coisa, meus olhos brilhavam só de olhar para ela! (*--*) Respiro fundo tentando não só babar pelo fato de ter uma professora incrível, mas também para me focar um pouco mais...

A aula a principio sugeria uma matéria simples de combate, mas meu jeito e maneira sedentária de pensar me faz buscar uma justificativa mais filosófica do que isso, sobreviver a uma falha usando uma técnica simples seria a chave para tentar novamente no futuro, não é uma lição sobre vencer alguém, é sobre consertar seu erro e tentar ser melhor na oportunidade futura!   -Com certeza é isso, não há como alguém errar nessa aula!!! ( U.u) -

Agora após refletir parto para a parte prática do teste, achar uma dupla, uma tarefa horrenda para mim, por esse motivo espero ser chamada por alguém...

Numa situação onde isso aconteceria, deixaria que o meu par praticasse comigo antes, me empurrando para que eu pudesse captar seus movimentos e aprender um pouco mais, já que não tenho experiência alguma com esse tipo de coisas... Sendo lançada ao chão, mesmo sendo difícil, tentaria não tirar os olhos do meu par para avaliar sua pose de batalha!

Agora de pé, novamente, limpando a sujeira de meu corpo respiro e volto até ele, flexionando minhas pernas um pouco pensativa, movimento meus braços os posicionando de lado para meu corpo, parelho na horizontal, formando uma espécie de quatro, ou cruz, em relação a meu tronco...

Uma simples pose inicial que permitiria uma forte concentração por parte do meu tórax impulsionando os pulsos, mas a ideia estava muito simples, lentamente de maneira suave afastaria minhas pernas as flexionando, usando esse movimento como estimulante, colocaria todo o peso de meu corpo sobre a parte dianteira  de minhas solas, erguendo o calcanhar para criar força de impulso diagonal em direção ao meu tronco, que alavancaria uma força adicional sobre meus braços, que agora voam contra o peito do meu par para tentar o lançar para longe! ( >.<)

═════════════════════════════

avatar
Kiri: Genin
Kiri: Genin

Status Ninja
Vida:
200/200  (200/200)
Chakra:
210/210  (210/210)
Arsenal:
Ver perfil do usuário

Re: Aula 2: Combate

em Dom Maio 13, 2018 9:48 am










Defesa Pessoal
Academia Ninja Manhã Atemporal

A primeira aula foi... Fácil? Não diria isso tão convicta, mas ao olhar para a sala e entender de cara do que se tratava, percebia que aquele seria meu ponto fraco em toda academia, ver aquela mini-arena me fazia ter a certeza que um teste corporal ocorreria e me fazia duvidar seriamente se eu tinha aptidão mínima para isso, eu faço o tipo que luta nas sombras, oculta na furtividade buscando apenas um momento oportuno para vencer meu inimigo, ou no caso minha presa, já fui caçar algumas vezes com o meu pai e demonstrei uma capacidade boa com o empunhar do arco, mas aquilo... Aquilo era corpo a corpo, certamente que a maioria ia se sair melhor que eu, mas... Luta é luta, seja pra provar o potencial ou lutar contra uma criatura com os punhos para manter o que ainda resta da vida na disputa pela sobrevivência.

Maneira certa de matar alguém? Ha... Uma flecha na cabeça ou no coração é suficiente para isso, não imagino um ser vivo que sobreviva ao aço da ponta de uma flecha transpassando os tecidos de um órgão vital para sua sobrevivência, mas com as próprias mãos me questionava se eu conseguiria manusear um assassinato, afinal quando partido de algo que pode proporcionar esse assassinato como uma faca, um arco, uma espada fica fácil... Coitado do aluno assistente, nem viu o que o atingiu... Ok, pelo menos agora sei que eu não preciso matar ninguém, a população da academia ficaria comprometida e a próxima geração seria erradicada para restar somente um, e certamente seria um problema.

O problema de pensar tanto é que as vezes o tempo passa e as coisas acontecem e você acaba se descuidando, e eu me descuidei demais, por estar de guarda baixa eu era pega pelo braço por um dos alunos que me puxava até o centro, eu nem tive como reagir, aquilo foi rápido e sua mão era forte, tentava identificar quem ele era, mas eu não o conhecia, mas era claro que eu não poderia enfrentar ele, bem mais alto e aparentemente bem mais forte, e mesmo assim ele me escolheu para realizar a tarefa? Lógico, numa luta ele certamente me mataria fácil, e é assim o ciclo, os mais fracos só morrem primeiro... Não posso deixar ele me tirar do meu rumo só por causa que ele é maior, não mesmo.

Ele me mandava para o outro lado da mini-arena com um empurrão, calma, respire fundo, lembre dos ensinamentos de luta, é como caçar, caçar um alvo grande pode ser uma caçada muito valorosa e aproveitada, mas ao mesmo tempo ela é perigosa e pode acabar sendo ambiciosa demais, sempre procure ser atenta ao tipo de presa que você está caçando para não acabar sendo caçada, muitos predadores vão aparecer em nosso caminho, saber lidar com eles é essencial se quiser ficar viva. Primeiro, se um predador ataca, é porquê ele tem certeza que pode abater sua presa, aparentemente é visível que ele pode, mas nesse momento eu preciso ser como uma águia, esperar o momento certo... Ele vai atacar a qualquer momento, não se aflija ou vai errar e seu corpo vai fraquejar, se permita ficar calma, não deixe que ele sinta que você teme ele, ou ele ficará ainda mais confiante. Sinta seu instinto assassino, sinta-o desejar sua morte e seu sangue, e use essa sede para cega-lo. Ele vinha em minha direção, aparentemente a tarefa se tornou, derrote o seu oponente a qualquer custo e você será aprovado, não sei se a instrutora pensava assim, mas ela não era do tipo que se importava muito de que caminho tomássemos para chegar aonde ela queria, o importante para ela era que chegássemos... Eu não sou ágil o suficiente para esquivar dele para sempre, nem sou forte para golpeá-lo a ponto de o derrubar, quiçá então consistente o suficiente para aguentar um golpe.

As chances estão contra mim, mas eu tinha um plano, supondo que essa mini arena seja a limitação da prova, imaginava que aparentemente eu poderia bolar qualquer terreno, e como a função da tarefa é aparentemente se afastar do perigo, vamos supor que estamos próximos a um abismo e ele é algum bicho furioso que vem contra mim, tudo que preciso fazer é manda-lo para o abismo... Corria até a borda da arena, apesar de não ter o porte físico dele, por eu ser pequena acabava sendo um pouco mais rápida o que me dava um segundo de vantagem, para que quando ele chegava perto o suficiente eu saltava, apesar de alto, saltar na altura dele não foi tão difícil mas eu tomava o ombro dele como apoio e com os pés eu dava um chute em suas costas para impulsionar um giro para eu cair atrás dele e ele se desequilibrar, vendo que este estava tentando nivelar o peso do corpo para não cair no abismo, fiz o favor de terminar o serviço aplicando a força nas minhas pernas para transferir toda a força do empurrão para as mãos, fazendo-o perder o que restava do seu equilíbrio e cair direto no limite da arena, ou no caso, no abismo, game over baby! Olhando para a instrutora, não sabia se isso bastava para ela, mas eu sorria e a reverenciava, mais como uma zombaria.

Técnica Corporal

Categoria: Taijutsu
Descrição:A técnica corporal é uma forma básica de técnicas a qual refere-se à qualquer técnica que envolva artes marciais ou a otimização das habilidades humanas naturais.

Forte Empurrão

Categoria: Taijutsu
Dificuldade: E
Poder: 2
Descrição: Utilizando de todo o peso de seu corpo, o usuário aplica força em suas pernas para que com suas mãos, empurre algum alvo que contenha no máximo o dobro de seu peso.

ME NARRATIVE OTHERS
avatar
Kiri: Genin
Kiri: Genin

Status Ninja
Vida:
92/200  (92/200)
Chakra:
180/300  (180/300)
Arsenal:
Ver perfil do usuário

Re: Aula 2: Combate

em Seg Jun 18, 2018 4:26 pm
Adentrava inseguro ao novo salão, não sabia bem o que esperar esta vez e ao caminhar, mantinha um passo lento para que os outros alunos passassem à frente. "Hmph." Murmurava o garoto após ver tanta luz num só ambiente. Depois do momento de cegueira, o jovem observava os detalhes do ambiente, todos bem azulados com a cor marcante de sua aldeia, e no meio de tudo, havia uma arena. A encargada dava a ordem de formar-se duplas e começava a falar, com seu tom grosseiro explicava sobre lutar contra um oponente, e se caso este for mais forte que você, quais medidas um ninja deveria tomar, a Jounin utilizava um aluno para a demonstração, o lançando para longe. Por fim, deixava pergaminhos autoexplicativos para cada aluno,

Hayate abria o pergaminho cuidadosamente e começava a lê-lo. Haviam duas técnicas de Taijutsu a serem estudadas, e executar esta na dupla dada seria provavelmente o que daria a aprovação do jovem estudante. Guardava o pergaminho e respirava fundo, teria que começar o ataque. Observava seu oponente; um garoto meio estranho que parecia ser até mesmo mais antissocial que Hayate, mas isso não deveria importar no momento. Certamente o empurrão não funcionaria de primeira, já que o oponente desviaria de maneira fácil, para isso seria necessário uma distração, e o estudante a conseguiria com a própria técnica corporal.

O jovem corria tentando um ataque direto, e o outro estudante esperava seu movimento, lhe dava um soco, estilo artes marciais, que fazia um trajeto de abdução, de baixo para cima, em direção ao estômago do garoto. Este, para revidar dava um pequeno salto para trás e contra-atacava com um chute que acertaria o queixo de Hayate, se o mesmo não tivesse se protegido com sua mão. O garoto de cabelos vermelhos dava um passo à esquerda, e logo à direita, fazendo um zigue-zague enquanto preparava seus punhos para uma ofensiva dupla; seu oponente corria seus olhos à cada passo, o acompanhando e desviando de cada soco. O combate não seria fácil, nenhum iria ceder tão cedo e ainda mais para realizar um empurrão, que os dois sabiam suas que teriam que executá-lo.

A primeira etapa era concluída por ambos, a etapa da técnica corporal. Taijutsu não era bem a especialidade favorita de Hayate, mas sabia que para ser um ninja deveria dominá-la como todo outro Ninjutsu, e isso motivava o jovem à continuar a luta. Avançava rapidamente, desviava um soco de punho agachando-se enquanto corria, preparava um soco e via uma perna que se deslocava de seu estado de repouso começando movimento; teria que retroceder, mas, não havia tempo. Um som de tapa era escutado, o garoto parava a ofensiva com o atrito de seus sapatos e jogava contra o ataque a palma de sua mão esquerda, e apertava a perna do menino para poder atacar, no entanto, ele realizava diversos movimentos para tentar escapar, o que impedia um ataque de sucesso do jovem.

Largava a perna a jogando para um lado, havia uma abertura, não seria ideal atacar com uma rasteira já que o ninja teria tempo de esquivar, e por isso Hayate optava por um empurrão, para de esta forma tentar realizar a segunda e última etapa do combate.

Técnica Corporal

Categoria: Taijutsu
Descrição:A técnica corporal é uma forma básica de técnicas a qual refere-se à qualquer técnica que envolva artes marciais ou a otimização das habilidades humanas naturais.

Forte Empurrão

Categoria: Taijutsu
Dificuldade: E
Poder: 2
Descrição: Utilizando de todo o peso de seu corpo, o usuário aplica força em suas pernas para que com suas mãos, empurre algum alvo que contenha no máximo o dobro de seu peso.
avatar
Aldeão
Aldeão

Status Ninja
Vida:
160/160  (160/160)
Chakra:
180/180  (180/180)
Arsenal:
Ver perfil do usuário

Re: Aula 2: Combate

em Qua Jul 11, 2018 6:02 pm

 
Kasuga

"Eu ainda acho que deveria ir em bora... Não sou boa o bastante."
Sigo para a segunda aula, onde parecia a primeira, só que agora ao invés de apagarem a luz aqui tem muita luz! Tiro meus óculos com minha mão esquerda e esfrego meus olhos com minha mão direita e coloco meus óculos em meu rosto. - Ai ai! - suspiro fundo me espreguiçando entrando na aquela arena, onde a professora me coloca junto com um moleque.

A mulher começa a falar sobre assasinato, coisa que não presto muita atenção devido meus pensamentos estarem mais altos "Que preguiça..."

Brutalmente sou empurrada, talvez por estar ignorando ela... Em queda livre indo de cara ao chão azul, não tive nem reação, apenas para gritar de desespero. - Oe aaa! - grito no susto.

Todos olhando para mim, que merda! Olho para a professora que era a mais proxima... "Essa vagabunda descarada me empurrou!? Vou tacar fogo na casa dela, assasinar os filhos e familiares del..." Encaro ela com a expressão irritada. Respiro fundo me acalmando pegando meus óculos que caiu do meu rosto, checo o mesmo para ver se esta arranhado ou quebrado... Ok! coloco ele em meu rosto e esfregando meu nariz me levanto e volto a minha posto.

Após ler o pergaminho deixado pela mulher e ser empurrada novamente, só que agora por minha dupla... - Minha vez! - Falo numa maneira maléfica.

Me levanto, preciso fazer numa maneira identica a professora, coisa que nem vi direito devido eu ser o "boneco de testes". Por isso olho para as outras duplas... Parece fácil!

Firmo meus pés no chão afastando minhas pernas e flexionando meus joelhos colocando meu peso em meu pé. Dobro meus braços  pegando um impulso e distancia do peito do meu colega. - Prepare-se! - Falo avisando ele para não ser surpreendido e reclamar de mim depois. Com esse impulso e distancia estico meus braços rapidamente, onde  minhas mãos abertas voam contra o peito do meu parceiro numa tentativa de lança-lo para longe, mais longe do que fui jogada descontando um pouco de minha raiva armazenada em meu peito.

Técnica Corporal

Categoria: Taijutsu
Descrição:A técnica corporal é uma forma básica de técnicas a qual refere-se à qualquer técnica que envolva artes marciais ou a otimização das habilidades humanas naturais.

Forte Empurrão

Categoria: Taijutsu
Dificuldade: E
Poder: 2
Descrição: Utilizando de todo o peso de seu corpo, o usuário aplica força em suas pernas para que com suas mãos, empurre algum alvo que contenha no máximo o dobro de seu peso.
Conteúdo patrocinado

Re: Aula 2: Combate

Voltar ao Topo
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum